Devolução à Natureza de 1 coruja-das-torres com a Fundação Aurora Borges em Santa Marinha, Seia


No dia 8 de Novembro de 2016 o CERVAS realizou uma acção de sensibilização sobre a importância das aves de rapina nocturnas na Fundação Aurora Borges, em Santa Marinha, Seia.



A primeira parte da acção consistiu numa sessão de esclarecimento e apresentação das diferentes espécies de aves de rapina nocturnas existentes em Portugal, com referências às suas características principais e também alguns dos seus problemas de conservação.



De seguida, ao início da noite, foi devolvida à Natureza uma coruja-das-torres (Tyto alba) que tinha sido encontrada com a plumagem suja após queda numa ETAR. Esta ave tinha sido encaminhada para o CERVAS através do Município de Seia e do SEPNA/GNR de Gouveia, tendo sido tratada, limpa e preparada para o regresso ao meio natural.


O CERVAS agradece à Fundação Aurora Borges pelo interesse e está disponível para futuras acções em parceria.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Espécie do mês de Maio: Cobra-rateira

Espécie do mês de Junho: Melro-preto

Espécie do mês de Junho: Víbora-cornuda

Espécie do mês de Setembro: Cágado-mediterrânico

Espécie do mês de Setembro: Cobra-de-água-de-colar

CERVAS - Centro de Ecologia, Recuperação e Vigilância de Animais Selvagens

Espécie do mês de Junho: Ouriço-cacheiro

Espécie do mês de Setembro: Estorninho-preto

Espécie do mês de Janeiro: Gaivota-d'asa-escura

Espécie do mês de Novembro: Gralha-preta