Mensagens

A mostrar mensagens de Março, 2015

Devolução à Natureza de um milhafre-preto em Póvoa de Midões, Tábua


No dia 28 de Março de 2015 foi devolvido à Natureza um milhafre-preto (Milvus migrans) em Póvoa de Midões, concelho de Tábua.


Esta ave de rapina tinha ingressado no CERVAS no Verão de 2014 após ter estado ilegalmente em cativeiro.


No momento do ingresso no centro a ave apresentava a plumagem muito danificada e alteraçoes comportamentais que estavam relacionadas com as más condições em que tinha sido mantida.


O tratamento consistiu em recuperação da plumagem, incluindo enxerto de penas de voo na cauda e asas, socialização com outras aves de rapina diurnas e treino de voo.


                                         (Autor da foto: Paulo Loureiro)

O local escolhido para a devolução à Natureza foi uma zona florestal junto ao rio Mondego, com condições adequadas para a espécie.

(Autor da foto: Paulo Loureiro)

Nesta acção estiveram presentes os padrinhos do milhafre e os participantes numa saída de campo para observação de aves que tinha ocorrido no mesmo dia.


Saída de campo para observação de aves em Casal da Senhora, Tábua.


No dia 28 de Março de 2015 decorreu uma saída de campo para observação de aves em Casal da Senhora, Midões, no concelho de Tábua.


O CERVAS organizou esta actividade em colaboração com habitantes locais que manifestaram interesse e se disponibilizaram para a divulgação a nível local e planificação do percurso.


Durante cerca de duas horas os cerca de 20 participantes percorreram a pé zonas agrícolas e florestais na área envolvente à aldeia com o objectivo de detectar, observar e identificar as espécies de aves selvagens existentes no local.


Apesar do nevoeiro no início da caminhada foi possível registar cerca de 30 espécies diferentes durante a actividade.


Como a maior parte dos participantes se estava a iniciar na observação de aves houve um esforço para que todos pudessem observar prolongadamente as aves, mesmo as mais comuns, com recurso ao equipamento óptimo disponível, com o objectivo de despertar o interesse e criar motivação em todos.


O CERVAS agradece o interesse de todos os participantes e em especial ao Paulo Loureiro e à Ana Plácido pela colaboração e disponibilidade.

O CERVAS participou no Dia Mundial da Árvore em Manteigas


No dia 20 de Março de 2015 o CERVAS participou nas comemorações do Dia Mundial da Árvore em Manteigas.


Este evento foi mais uma vez organizado pelo Município de Manteigas e contou com a colaboração de vários parceiros.


O público alvo foram as crianças do 1º ciclo do ensino básico de Manteigas e os utentes do cartão municipal do idoso.


Os participantes fizeram uma caminhada até ao Jardim do Pego onde decorreram diversas oficinas de educação ambiental de cerca de 20 minutos para cada grupo.


Nestas sessões o CERVAS teve oportunidade de apresentar o seu trabalho, algumas das espécies com que trabalha (com destaque para as que vivem em ambientes florestais) e as principais causas de ingresso no centro.


De seguida, à semelhança de anos anteriores, foram devolvidas à Natureza aves selvagens na presença de todos os participantes no evento.


Desta vez foi possível libertar 2 pintassilgos (Carduelis carduelis) que tinham sido apreendidos por equipas do SEPNA/GNR a particulares que os tinham em situações de cativeiro ilegal. Estes animais estiveram no CERVAS para recuperação da plumagem que estava deteriorada e para treino de voo, musculação e socialização, tendo em vista o seu regresso ao meio natural de onde tinham sido retirados ilegalmente.


O CERVAS agradece mais uma vez ao Município de Manteigas pelo convite para o evento e pelo apoio ao trabalho do centro, mantendo a disponibilidade para futuras actividades em parceria e felicitando-o pela persistência na dinamização desta importante iniciativa de educação ambiental.

O Dia da Floresta em Gouveia foi celebrado no Curral do Negro


No dia 20 de Março de 2015 o CERVAS participou na festa de celebração do Dia da Floresta em Gouveia.


Este evento decorreu de uma forma diferente do modelo que tinha sido adoptado com sucesso em anos anteriores (em que eram realizadas acções de educação ambiental nas escolas do concelho) e reuniu mais de 350 crianças no espaço florestal do Curral do Negro.


As crianças e respectivas professoras tiveram oportunidade de optar pela participação em diferentes diversões, e também em oficinas de sensibilização ambiental relacionadas com a Floresta, dinamizadas por diversas entidades parceiras do Município de Gouveia, que organizou o evento.


No final, foi devolvida à Natureza uma águia-d´asa-redonda (Buteo buteo) que tinha estado em recuperação no CERVAS após ter ingressado em má condição física.


O CERVAS agradece o convite e continua disponível para futuras acções onde seja possível continuar a aumentar o conhecimento e o respeito pela floresta por parte da comunidade escolar de Gouveia.

OVARGADO S.A. é a nova parceira no trabalho do CERVAS/ALDEIA


Recentemente o CERVAS passou a contar com o apoio da OVARGADO, S.A., uma empresa com mais de 30 anos de experiência no sector agro-alimentar, para animais. 


Com sede em São João (Ovar) a OVG tem consolidado o seu percurso na linha da inovação e pioneirismo através da aposta constante na sua capacidade tecnológica e produtiva e na composição diferenciada dos seus produtos, sendo hoje, a única empresa portuguesa capaz de produzir alimentos farinados, granulados, extrusados e multi-particulados para todas as espécies zootécnicas terrestres. 

Com esta parceria, a OVARGADO, S.A. dá um grande e importantíssimo contributo para o trabalho do CERVAS, nomeadamente ao nível da alimentação e nutrição dos animais que se encontram no centro.

A OVARGADO, S.A. junta-se assim ao conjunto de empresas e pessoas que permitem a continuidade do trabalho do CERVAS, seja através de apadrinhamentos, donativos ou de outros apoios, contribuindo assim para a recuperação de animais selvagens em Portugal.

O CERVAS agradece à OVARGADO, S.A. por esta nova parceria e por toda a atenção disponibilizada e vontade de ajudar!

O Jardim de Infância de Arcozelo participou na Semana da Floresta


No dia 18 de Março de 2015 o CERVAS visitou a escola de Arcozelo da Serra, em Gouveia, para mais uma actividade integrada na Semana da Floresta.



Durante a manhã foi realizada uma sessão sobre os animais selvagens que vivem na floresta com crianças do Jardim de Infância (e alguns da escola primária) e respectivas educadoras.



Tal como habitualmente esta sessão decorreu ao ar livre, recorrendo a material biológico e pedagógico, e teve como objectivo despertar a curiosidade e aumentar o conhecimento das crianças sobre as espécies autóctones, as suas características e alguns dos sinais que indicam a sua presença.


No final, tal como no dia anterior em Moimenta da Serra, as crianças plantaram um azevinho (Ilex aquifolium) para celebrar esta semana dedicada à floresta em Gouveia.



O CERVAS agradece o convite para a participação no evento e continua disponível para futuras acções.

O Jardim de Infância de Moimenta da Serra participou na semana da Floresta


No dia 17 de Março de 2015 o CERVAS realizou uma acção de educação ambiental com as crianças e educadoras do Jardim de Infância de Moimenta da Serra, em Gouveia.



Esta actividade fez parte da Semana da Floresta, uma iniciativa do Município de Gouveia que conta com a colaboração de várias entidades locais.



Foram realizadas duas sessões com grupos de diferentes idades, entre os 3 e os 6 anos, com o objectivo de despertar a curiosidade das crianças pela observação da fauna selvagem que existe nas florestas.



De seguida, dentro da área da escola, foi plantado um azevinho (Ilex aquifolium), para que, de uma forma simbólica, os participantes pudessem celebrar este dia dedicado à floresta.



O CERVAS agradece o convite para a participação no evento e continua disponível para futuras acções que contribuam para a educação ambiental em Gouveia.



Alunos da Escola Frei Heitor Pinto da Covilhã visitaram o CERVAS


No dia 6 de Março de 2015 o CERVAS recebeu a visita de 26 alunos e professores da Escola Frei Heitor Pinto da Covilhã, que antes ficaram a conhecer o Parque Ecológico de Gouveia.


Alguns dos temas abordados foram as problemáticas do cativeiro ilegal de espécies protegidas e os riscos ecológicos relacionados com algumas espécies exóticas invasoras.


Os visitantes percorreram algumas das áreas de trabalho do CERVAS de forma a compreenderem as diferentes etapas dos processos de recuperação dos animais selvagens de espécies protegidas que ingressam no centro.


O CERVAS agradece à escola pela visita e interesse demonstrado e ao Posto de Turismo / Município de Gouveia pela coordenação dos contactos, mantendo a disponibilidade para parcerias futuras.

Visitas guiadas a Gouveia passam pela Casa da Torre


No dia 5 de Março de 2015 a Casa da Torre passou a fazer parte do roteiro das visitas guiadas a Gouveia dinamizadas pelo Posto de Turismo / Município de Gouveia.



Estas visitas terão lugar durante as tardes das Quintas-feiras e permitirão ao CERVAS divulgar o seu trabalho, o Parque Natural da Serra da Estrela e as espécies protegidas da região a turistas de várias zonas do país que visitem Gouveia.



Os participantes nesta primeira visita, oriundos do distrito do Porto, ainda não conheciam o trabalho do centro e foi com grande entusiasmo e curiosidade que contactaram com a exposição dedicada à fauna selvagem da Serra da Estrela.


O CERVAS agradece ao Posto de Turismo de Gouveia pela oportunidade de divulgação e educação ambiental e está disponível para dinamizar novas iniciativas em parceria.