Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2015

Devolução à Natureza de um açor em Arcozelo, Gouveia


No dia 30 de Julho de 2015 à tarde foi devolvido à Natureza um açor (Accipiter gentilis) em Arcozelo, Gouveia.



Esta acção foi integrada numa iniciativa de Educação Ambiental promovida pela Junta de Freguesia de Arcozelo e pelo Grupo Aprender em Festa (GAF) no âmbito do projecto Uma Aventura no Mundo da Cidadania.


Durante esta acção foi realizada a limpeza de lixo de uma zona recreativa da aldeia na qual participaram crianças, pais, membros da junta de freguesia e colaboradoras do GAF e do CERVAS.


O açor juvenil tinha ingressado no CERVAS quando ainda era uma cria muito pequena, conjuntamente com mais dois irmãos, após queda do ninho derivada do corte de uma árvore, e o processo de recuperação consistiu em alimentação, desenvolvimento da plumagem, treino e socialização com outras aves de rapina diurnas.


A devolução à Natureza decorreu num local próximo de áreas florestais e agrícolas onde a espécie é comum e o habitat é adequado.


O CERVAS agradece ao GAF e à Junta de Freguesia de Arcozelo por mais este convite e continua disponível para futuras acções de educação ambiental em parceria.

Saída de campo para introdução à observação de aves com alunos de Turismo do Centro de Emprego de Seia


No dia 30 de Julho de 2015 o CERVAS dinamizou uma acção de introdução à observação de aves com alunos do curso de Turismo do Centro de Emprego de Seia.


A primeira parte da acção consistiu numa visita à Casa da Torre para apresentação do trabalho do centro e da exposição sobre a Fauna Selvagem dos Habitats Naturais da Serra da Estrela.


De seguida o grupo dirigiu-se para o Curral do Negro, com breve passagem pelo Mirante do Paixotão, em Gouveia, para observação de aves em zonas urbanas e florestais.


No final da actividade decorreu a devolução à Natureza de um açor (Accipiter gentilis) no bosque do Curral do Negro.



Esta ave tinha ingressado no CERVAS em conjunto com outros dois irmãos após queda do ninho provocada pelo corte de uma árvore. No momento do ingresso deste animal não se detectaram lesões e o processo de recuperação consistiu em alimentação, desenvolvimento da plumagem, treino e socialização em contacto com outras aves de rapina diurnas.



A devolução à Natureza decorreu numa zona florestal dentro do Parque Natural da Serra da Estrela, na presença dos alunos de Turismo que participaram na actividade de observação de aves e turistas franceses e polacos que se encontravam no Parque de Campismo do Curral do Negro.


O CERVAS agradece á ViVaVentura pela disponibilização de equipamento óptico e pela divulgação da iniciativa.

As crianças do CATL da ABPG visitaram a Casa da Torre


No dia 28 de Julho de 2015 de manhã as crianças e educadores do Atelier de Tempos Livres (CATL) da Associação de Beneficência Popular de Gouveia (ABPG) visitaram a Casa da Torre.


Durante cerca de uma hora os visitantes ficaram a conhecer as exposições sobre a Fauna Selvagem dos Habitats Naturais da Serra da Estrela, recentemente inaugurada durante a Go! Romaria Cultural que teve lugar em Gouveia no fim de semana anterior.


Após a visita decorreu no Mirante do Paixotão a devolução à Natureza de um melro-preto (Turdus merula) que tinha ingressado ainda muito jovem no CERVAS após queda precoce do ninho.


O CERVAS agradece à ABPG por mais esta visita e continua disponível para futuras acções de educação ambiental em parceria.



As crianças da Fundação "A Nossa Casa" visitaram o CERVAS


No dia 27 de Julho de 2015 as crianças e educadoras da Fundação "A Nossa Casa" visitaram o CERVAS.



Esta foi mais uma actividade resultante da parceria entre as duas entidades no âmbito do programa Eco-Escolas em Gouveia e permitiu às crianças conhecer o trabalho desenvolvido no centro.



Para além da visita às diferentes instalações, para conhecerem as várias etapas de recuperação dos animais que ingressam no CERVAS, as crianças ficaram a saber o que devem fazer se encontrarem um animal selvagem com problemas e o que é feito quando este chega ao centro.



No final da visita foi devolvida à Natureza uma gralha-preta (Corvus corone) que tinha sido apreendida pelo SEPNA/GNR a uma pessoa que a mantinha em cativeiro ilegal e que esteve em recuperação desde o início de 2015.



O CERVAS agradece a visita e o interesse da Fundação "A Nossa Casa" e continua disponível para futuras acções de colaboração que contribuam para a educação ambiental das crianças.

O CERVAS participou na G!O Romaria Cultural em Gouveia


Entre 24 e 26 de Julho de 2015 decorreu em Gouveia a segunda edição da G!O Romaria Cultural, um evento fantástico dinamizado por habitantes locais e que durante três dias trouxe várias dezenas de actividades que deram uma nova vida à cidade e que lhe permitiram mostrar "o que lhe corre nas veias".



O CERVAS contribuiu com algumas actividades e logo na abertura da Romaria foram apresentadas as exposições sobre a Fauna Selvagem dos Habitats Naturais da Serra da Estrela, disponíveis na Casa da Torre, e que foram preparadas com a colaboração do Centro de Interpretação da Serra da Estrela (CISE).



Ao início das manhãs dos dias 25 e 26 foram dinamizadas duas saídas de campo para introdução à observação de aves nas quais participaram cerca de 20 pessoas e foram registadas 41 espécies de aves em zonas urbanas, agrícolas e florestais de Gouveia.




Em paralelo também houve tempo para algumas devoluções à Natureza de 4 andorinhões (pretos Apus apus e pálidos Apus pallidus) recuperados no CERVAS, que foram libertados no Mirante do Paixotão por pessoas que colaboraram na dinamização da Go! Romaria Cultural.





A Casa da Torre foi também palco de uma outra actividade da Romaria, a História Participativa da Coruja, que envolveu habitantes locais e visitantes num exercício de cidadania em que os personagens eram animais selvagens.



No dia 25 foi apresentado em Gouveia, na Câmara Municipal, o livro Undiscovered Owls - A Sound Approach Guide, de e por Magnus Robb, um dos mais importantes investigadores de todo o mundo com vários anos de trabalho no estudo dos cantos e vocalizações de várias espécies de aves.




No final do evento, foi devolvida à Natureza uma águia-d´asa-redonda (Buteo buteo), na presença de dezenas de participantes (ver vídeo aqui), tendo sido esta ave encontrada alguns dias antes no chão, debilitada, e entregue ao CERVAS por um habitante local.




O CERVAS agradece ao Maguns Robb pela vinda a Gouveia, ao CISE pela cedência de material para as exposições na Casa da Torre, e a todos os que criaram a fabulosa programação da G!O Romaria Cultural, uma inciativa que torna Gouveia um local ainda mais interessante para viver e para ser visitado. 

A disponibilidade do CERVAS para as próximas edições é total e que a Romaria continue a crescer!

Devolução à Natureza de 4 andorinhas-dos-beirais com o Jardim de Infância da ABPG


Nos dias 16 e 24 de Julho de 2015 foram devolvidas às Natureza 4 andorinhas-dos-beirais (Delichon urbicum) em Gouveia, com as crianças e educadoras do Jardim de Infância da Associação de Beneficência Popular de Gouveia (ABPG).



Estas aves tinham caído de um ninho que tinha sido acidentalmente destruído com água durante as lavagens das paredes de um edifício da ABPG.



Logo que os funcionários recolheram as crias entraram em contacto com o CERVAS e a entrega foi imediata, para que o processo de recuperação fosse iniciado.



No momento do ingresso no centro verificou-se que nenhuma das aves apresentava lesões mas todas eram muito pequenas e foi necessário mantê-las no centro para alimentação, desenvolvimento de plumagem e treino de voo.



A devolução à Natureza das primeiras duas aves decorreu nas instalações da ABPG, ao lado de onde estava o ninho, e as outras duas foram libertadas no miradouro da Avenida Botto Machado, alguns dias mais tarde.




O CERVAS agradece o esforço e interesse de todas as pessoas da ABPG, desde as funcionárias às crianças, e continua disponível para futuras acções em parceria.