Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2019

Observação de Aves na Escola Básica de Vila Nova de Tazem, Gouveia


No dia 13 de Junho de 2019 o CERVAS dinamizou saídas de campo para observação de aves na Escola Básica (EB 2,3) de Vila Nova de Tazem, Gouveia.


Foram envolvidos na actividade alunos do 5º e 6º ano, que já tinham estado em acções anteriores, e que assim puderam dar continuidade ao processo de aprendizagem sobre a biodiversidade da região.


O CERVAS agradece à EB de Vila Nova de Tazem, em especial à Prof. Helena Babo, pelo interesse e pelo convite e continua disponível para futuras acções em parceria.


Devolução à Natureza de 1 mocho-galego no FESTAME na Mealhada


No dia 12 de Junho de 2019 o CERVAS participou no FESTAME 2019, a convite da Living Place - Animação Turística.


Fotos: Living Place

A primeira parte da acção consistiu numa oficina sobre fauna selvagem, no stand da Living Place, dirigida aos participantes no evento, onde também foi apresentado o trabalho do centro.




De seguida, num olival, foi devolvido à Natureza um mocho-galego (Athene noctua) que tinha estado em recuperação no CERVAS após saída precoce do ninho.



O CERVAS agradece à Living Place por mais este convite e oportunidade de divulgação e continua disponível para futuras acções em parceria.



Devolução à Natureza de 1 milhafre-preto e 1 cegonha-branca com o Centro Escolar de Solum Sul em Coimbra


No dia 13 de Junho de 2019 foram devolvidos à Natureza em Coimbra um milhafre-preto (Milvus migrans) e uma cegonha-branca (Ciconia ciconia).



O milhafre-preto juvenil que foi libertado durante a manhã com alunos que apadrinharam a sua recuperação, tinha estado no CERVAS curante quase um ano após ter sido resgatado de uma situação de cativeiro ilegal.



A cegonha-branca que foi libertada ao início da tarde com o Jardim de Infância tinha estado em recuperação durante cerca de 3 meses após ter sido vítima de um acidente de colisão com uma linha eléctrica.



O CERVAS agradece aos alunos, pais e professoras do Centro Escolar Solum Sul, pelo interesse, apoio e apadrinhamento das aves e está disponível para futuras acções em parceria.



Devolução à Natureza de 3 cágados-mediterrânicos em Seia


No dia 6 de Junho de 2019 foram devolvidos à Natureza 3 cágados-mediterrânicos (Mauremys leprosa) em Seia.



Dois dos animais foram libertados no rio Mondego e outro numa lagoa na aldeia de Vila Verde, após recuperação no CERVAS onde tinham chegado através dos particulares que os tinham recolhido e das equipas do SEPNA/GNR de Gouveia e Viseu.




As actividades foram realizadas com o Jardim de Infância de Vila Verde e com alunos e professores da Escola Secundária de Nelas, que tinham visitado o CERVAS momentos antes.





O CERVAS participou no Observarribas 2019 em Miranda do Douro


Entre 31 de Maio e 2 de Junho de 2019 decorreu em Miranda do Douro a 3ª edição do Observarribas - Festival Ibérico de Natureza das Arribas do Douro, organizado pelo Município local e LIFE Rupis.



Tal como nas edições anteriores o CERVAS dinamizou oficinas de educação ambiental, principalmente dedicadas a famílias e às escolas, num espaço de divulgação do seu trabalho.



Durante o dia dedicado às escolas da região foi ainda devolvida à Natureza uma jovem andorinha-dos-beirais (Delichon urbicum) que tinha estado em recuperação no CERVAS.


O CERVAS felicita a organização do evento e agradece o convite, em especial à SPEA, e continua disponível e interessado em colaborar em futuras edições.

Birdwatching at Gouveia


No dia 29 de Maio de 2019 o CERVAS e o GAF / Ecocidadania dinamizaram uma saída de campo em Gouveia com população estrangeira residente da região Centro, dedicada ao Birdwatching (Observação de Aves).




Durante a actividade foram visitados vários locais no concelho de Gouveia, tendo sido dedicado mais tempo ao extraordinário percurso das lagoas de Arcozelo onde foram registadas 59 espécies, percorrendo os diferentes habitats existentes.






Após o almoço junto ao rio Mondego, foi realizada uma visita ao CERVAS antes da subida para a zona alta do concelho onde foi realizado um percurso na zona do Malhão - Santinha.




No total foram registadas 71 espécies de aves, sendo de destacar as excelentes observações de águia-cobreira (Circaetus gallicus), guarda-rios (Alcedo atthis), tartaranhão-caçador (Circus pygargus) e melro-das-rochas (Monticola saxatilis).





O CERVAS agradece ao GAF a colaboração e a todos os participantes, em especial ao John Butt, pelo interesse e apoio.

Autor das fotos de aves: Samuel Duarte

Saída de campo para observação de aves da Serra da Estrela





A primeira parte da actividade consistiu em visitas a diferentes habitats em zonas de baixa altitude na área envolvente à Serra da Estrela, nomeadamente as lagoas de Vila Verde e Sobreda e os campos agrícolas de Pinhanços e Baixa do Rio Seia.



Após um almoço de campo na Mata do Desterro, a segunda parte da saída consistiu em visita a zonas altas do Parque Natural da Serra da Estrela, como a Lagoa Comprida e a Portela de São Bento.



No total foram registadas 62 espécies de aves, sendo de destacar as boas observações de melro-das-rochas (Monticola saxatillis) e sombria (Emberiza hortulana), duas das espécies mais interessantes na Serra da Estrela na Primavera.