sábado, 11 de dezembro de 2010

Libertação: 09 de Dezembro de 2010

09 de Dezembro de 2010, Quinta-feira
11.30 - Devolução à natureza de uma águia-de-asa-redonda (Buteo buteo) no Louriçal, Pombal
Escola Primária de Casal da Rola


Esta ave terá estado numa situação de cativeiro ilegal, e possivelmente terá fugido e sido encontrada por um particular numa mata, tendo deixado apanhar-se facilmente. Foi recolhida pelo SEPNA/GNR da Lousã e encaminhada para o CERVAS por intermédio dos técnicos do RNPA - Reserva Natural Paúl de Arzila. No momento do seu ingresso no centro o animal apresentava as penas de voo primárias e as rectrizes todas cortadas, pelo que o seu processo de recuperação passou numa primeira fase pela muda natural e completa dessas penas e na alimentação adequada para que a ave mantivesse o seu peso normal. Numa fase posterior esta ave esteve em contacto com animais da mesma espécie para que pudesse reaprender comportamentos normais da espécie e numa fase final realizou treinos de voo e caça. Durante este processo foi de extrema importância reduzir ao mínimo indispensável o contacto desta ave com seres humanos de forma a permitir a reversibilidade da domesticação. Esta ave foi devolvida à natureza num local apropriado.


No momento de devolução à natureza desta ave estiveram presentes 17 pessoas, entre as quais se encontravam representantes da Junta de Freguesia do Louriçal, representantes dos caçadores da região e os alunos e professora da Escola Primária de Casal da Rola. A ave foi baptizada de ‘Teddy’.


O CERVAS agradece à Junta de Freguesia do Louriçal o interesse demonstrado pelo trabalho desenvolvido neste centro e o apoio e colaboração na divulgação desta devolução à natureza.




Sessão de Educação Ambiental

14.30h - Palestra e oficina de educação ambiental, Juncal, Porto de Mós
Instituto Educacional do Juncal


Durante a tarde de quinta-feira os técnicos do CERVAS, a convite do Instituto Educacional do Juncal, dinamizaram uma palestra teórica, seguida de uma componente prática, para os alunos desta escola. Os alunos tiveram a oportunidade de conhecer melhor a função e o funcionamento do CERVAS e a realidade dos centros de recuperação de fauna selvagem em Portugal. Durante a apresentação os participantes ficaram a conhecer um pouco mais da diversidade de fauna autóctone existente em Portugal e também aprofundaram o conhecimento sobre a ecologia e biologia das aves de rapina nocturnas. A parte prática desta actividade consistiu na análise de egragópilas (regurgitações de alimento ingerido mas que não é digerido) de coruja-das-torres (Tyto alba) e identificação das presas desta ave de rapina. Desta forma os alunos puderam estar em contacto com um dos métodos usados no estudo da ecologia destas aves.



O CERVAS quer agradecer ao Instituto Educacional do Juncal pelo seu interesse no trabalho desenvolvido neste centro, e em particular a Joana Cordeiro e ao restante grupo da área de projecto pelo convite feito ao CERVAS para a realização desta actividade.

Sem comentários: