quinta-feira, 5 de junho de 2014

"Os cágados vão à escola" em Fornos de Algodres


No dia 3 de Junho de 2014 ao início da tarde o CERVAS e o Município de Fornos de Algodres dinamizaram mais uma acção sobre a problemática dos cágados exóticos invasores.


Esta acção decorreu na Escola Primária de Fornos de Algodres e, tal como em outras realizadas anteriormente, houve várias sessões para as diferentes turmas.


Tal como tinha sido solicitado previamente alguns alunos levaram cágados e tartarugas exóticas que tinham em casa para que se pudesse explicar pormenores relacionados com a sua identificação e maneio adequado.


A principal mensagem foi a da importância de não se libertar animais exóticos na Natureza e foram apresentadas as alternativas existentes sempre que alguém não pode manter em casa um animal que tenha adquirido, que passam pela sua devolução à loja ou entrega num centro de recuperação.


Tal como se tem verificado em acções anteriores, uma grande parte dos alunos tem ou já teve um cágado/tartaruga exótico, nalguns casos de espécies cuja venda não é legal (ex: tartaruga-de-orelhas-amarelas Trachemys scripta scripta), e revelam algum desconhecimento sobre os perigos que a detenção deste tipo de animais pode representar tanto em termos de conservação da fauna autóctone como de saúde pública.


Finalmente, já em Figueiró da Granja, também na escola primária, foi ainda realizada mais uma sessão de esclarecimento para alunos e professores.


O CERVAS agradece mais uma vez todo o apoio e interesse do Município de Fornos de Algodres, em particular à Inês e ao Hugo, e continua disponível para futuras acções de educação ambiental no concelho.

Sem comentários: