sexta-feira, 12 de novembro de 2010

I Semana do Mocho-galego: Actividades


De 5 e 11 de Novembro de 2010, realizou-se a I Semana do Mocho-galego (Athene noctua). Esta semana temática que teve lugar em diferentes localidades, teve como principais actividades a devolução à natureza de mochos-galego que estiveram em recuperação no CERVAS e que se encontravam aptos a regressar aos seus habitats naturais. Para além disso, foram também realizadas acções de educação ambiental com o objectivo de sensibilizar as populações locais para a importância destas aves e para o trabalho realizado nos centros de recuperação, bem como uma palestra sobre a biologia e conservação desta espécie.


05 de Novembro de 2010, Sexta-feira

15:30 - Devolução à natureza de um mocho-galego
Santuário de Nossa Senhora do Chão dos Calvos, Mortágua

Esta ave foi encontrada por um particular, após ter sido vítima de atropelamento e foi encaminhada para o CERVAS por intermédio da equipa do SEPNA da GNR de Sta. Comba Dão. No momento do seu ingresso o animal apresentava uma fractura do fémur, pelo que a sua recuperação passou pelo tratamento das lesões e em alimentação adequada e numa fase posterior foi colocado em contacto com animais da mesma espécie, tendo realizado treinos de voo e de caça.



No momento de devolução à natureza desta ave estiveram presentes cerca de 25 pessoas, na sua maioria alunos e professores do Jardim Escola e do 1º Ciclo da Freguesia de Pala, elementos do SEPNA/GNR de Sta. Comba Dão, um fotógrafo do Munícipio de Mortágua, um jornalista local e populares. Esta ave foi baptizada de 'Palinha'. Antes desta devolução à natureza, a equipa do CERVAS dinamizou uma oficina de educação ambiental onde abordou temas como o trabalho num centro de recuperação de animais selvagens e a sua função na conservação da natureza e também das diferentes aves de rapina nocturnas, realçando a biologia do mocho-galego.

video


16:00 - Devolução à natureza de um mocho-galego

E. B. I de S. Vicente de Pereira Jusã, Ovar


Esta ave foi encontrada por um particular quando ainda era um juvenil e não tinha plenas capacidades de voo. Foi entregue no Parque Biológico de Gaia pela Equipa do SEPNA da GNR de Ovar, tendo sido posteriormente encaminhada até ao CERVAS, permitindo que esta ave pudesse ficar em contacto com aves da mesma espécie, aumentando assim a probabilidade de sucesso de recuperação. Para além disso, o seu processo de recuperação passou por um alimentação adequada para que houvesse um normal desenvolvimento físico e da plumagem, bem como treinos de voo e caça, tendo sido devolvida à natureza perto do local onde foi encontrada.




Na sua libertação estiveram presentes cerca de 160 pessoas, na sua maioria alunos da E.B.I de S. Vicente Pereira, bem como professores e funcionários do mesmo estabelecimento de ensino. Estiveram também presentes representantes da Câmara Municipal de Ovar, da Junta de Freguesia de S. Vicente Pereira Jusã e a Equipa do SEPNA da GNR de Ovar. A ave foi baptizada de “Vicente” pelos alunos da escola.




18:00 - Devolução à natureza de um mocho-galego

Pavilhão Desportivo do Estádio João Cardoso, Tondela


Esta ave foi encontrada por um particular, após ter sido vítima de atropelamento e foi encaminhada para o CERVAS por intermédio de Vigilantes da Natureza. No momento do seu ingresso o animal apresentava uma fractura do fémur, pelo que a sua recuperação iniciou-se com a imobilização e consolidação da fractura. Numa fase posterior, a ave foi colocada em contacto com animais da mesma espécie, tendo ainda sido submetida a treinos de voo e de caça.



A devolução à natureza desta ave realizou-se no âmbito da inauguração da I Exposição Ibérica de Aves de Tondela, onde estiveram presentes cerca de 45 pessoas, entre as quais se encontravam o Sr. Presidente da Câmara Municipal de Tondela e autarcas do Município de Tondela, membros do Clube Ornitológico de Tondela, jornalistas da região, participantes da exposição, entre outros. A ave foi baptizada de 'Tondela'.

video


08 de Novembro de 2010, Segunda-feira
16:00 - Devolução à natureza de um mocho-galego

Outeiro de São Miguel, Freguesia de Arrifana, Guarda


Esta ave foi encontrada dentro das instalações do Outeiro de S. Miguel por um particular, tendo sido recolhida e encaminhada para o CERVAS pela equipa do SEPNA da GNR de Manteigas. O animal apresentava alguns sinais de debilidade, pelo que o seu processo de recuperação consistiu essencialmente em alimentação adequada e no contacto com animais da mesma espécie, tendo sido ainda submetida a treinos de voo e caça.




A preceder a devolução à natureza deste animal, os técnicos do CERVAS dinamizaram uma palestra para os alunos do pré-primário até ao 9º ano de escolaridade, professores e funcionários da Escola do Outeiro de S. Miguel - Arrifana, Guarda - onde se abordaram temas como a diversidade de fauna selvagem em Portugal e mais concretamente das aves de rapina nocturnas, descrevendo em particular a biologia do mocho-galego, e o trabalho que é desenvolvido num centro de recuperação de animais selvagens. A devolução à natureza contou com a presença de muitos jovens que baptizaram a ave de 'Gasparinho'.




09 de Novembro de 2010, Terça-feira
17:00 - Palestra “Mocho-galego - Biologia e Conservação”

Auditório da Delegação do Parque Natural da Serra da Estrela


A bióloga Lúcia Lopes realizou uma apresentação sobre alguns aspectos da biologia do mocho-galego, desde distribuição ao comportamento reprodutor, mostrando também alguns dos resultados obtidos com o trabalho realizado no âmbito do BARN. Foi também feita uma abordagem sobre alguns factores de ameaça desta espécie, bem como medidas de conservação que poderão ser aplicadas.





10 de Novembro de 2010
15:00 - Devolução à natureza de um mocho-galego

Reservatório de Água de Cadaixo, Miranda do Corvo


O mocho-galego libertado foi encontrado, ainda juvenil, com suspeita de atropelamento por um particular, tendo sido encaminhada até ao CERVAS pela Equipa do SEPNA da Lousã. Já no centro passou pelo processo de recuperação que consistiu em terapia de suporte de forma a recuperar da fractura no asa. Após recuperada da lesão, foi colocada em contacto com outras aves da mesma espécie e submetida a treinos de voo e caça, encontrando-se apta a ser devolvida à natureza.



Durante a devolução à natureza estiveram presentes cerca de 45 pessoas, na sua maioria alunos, professores e funcionários da E.B.1 de Pereira. Estiveram também representadas a Junta de Freguesia de Miranda do Corvo, a Câmara Municipal de Miranda do Corvo, a GNR e os B. V. de Miranda do Corvo. A ave foi baptizada de “Pereirinha”.



video


17:00 - Devolução à natureza de um mocho-galego

Cemitério de Eiras, Coimbra


Esta ave foi encontrada ingressou no CERVAS com suspeita de trauma, de origem desconhecida, tendo sido encaminhada por um técnico do ICNB da Reserva Natural do Paul de Arzila. Como não apresentava lesões preocupantes, o seu processo de recuperação foi relativamente simples, passando por uma alimentação adequada, treinos de voo e caça e contacto com aves da mesma espécie, de forma a não perder comportamentos típicos da natureza.



Para assistir à sua devolução à natureza estiveram presentes 5 pessoas, entre representantes da Junta de Freguesia de Eiras e populares, tendo baptizado a ave de “Tojal”.



video


11 de Novembro, Quinta-feira

16:30 - Devolução à natureza de um mocho-galego

Vila Cortês da Serra, Gouveia


Esta ave ingressou no CERVAS com suspeita de atropelamento, apresentando uma fractura do tíbio-tarso, bem como outras lesões compatíveis com esta causa, tendo o seu processo de recuperação passado por uma terapia de suporte de forma a recuperar a sua condição física. Após recuperar da fractura foi colocada em contacto com aves da mesma espécie para não perder comportamentos tipicamente selvagens. Finalmente foi submetida a treinos de voo e caça.



No momento da sua devolução à natureza estiveram presentes cerca de 30 pessoas, entre populares e representantes da Junta de Freguesia local. A ave foi baptizada de “Martinho”.



video


Agradecemos a todos que colaboraram na realização de todas as actividades integradas nesta I Semana da Mocho-galego, em especial às Juntas de Freguesia pelo apoio na divulgação das devoluções à natureza junto das entidades e populações locais.

Sem comentários: