sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Campanha de Apadrinhamento Inverno '11

Campanha de Apadrinhamento de Animais Selvagens em recuperação no CERVAS e de Caixas-ninho

As campanhas de apadrinhamento realizadas anteriormente foram fundamentais para a concretização de novos espaços de recuperação, construídos em 2009 e 2010, que permitiram fazer face ao crescente número de ingressos que se tem verificado desde que este centro iniciou a sua actividade, criando condições para que a recuperação dos animais seja feita de uma forma mais eficiente.

Para permitir que cada vez mais animais selvagens feridos possam ser recuperados com sucesso e devolvidos ao seu habitat natural, o CERVAS necessita de novos espaços de recuperação.

Assim, no sentido de poder tornar este projecto uma realidade, o CERVAS irá realizar uma nova campanha de apadrinhamento de animais selvagens.

O apadrinhamento de animais selvagens em recuperação no CERVAS consiste numa contribuição simbólica única, com a qual estará a contribuir de forma decisiva na melhoria das condições dos animais em recuperação neste centro.

Ao apadrinhar um animal terá a possibilidade de assistir à sua devolução à Natureza (se tal for possível no final do processo de recuperação) e receberá um certificado de apadrinhamento. Poderá também solicitar informações e fotos do animal apadrinhado. O seu contacto será inserido na lista de divulgação do CERVAS para que possa receber informações sobre as próximas actividades em que poderá participar, tornando-se, desta forma, um membro activo na dinamização da recuperação de animais selvagens em Portugal.

Espécies de animais selvagens em recuperação no CERVAS:

a) Com uma contribuição mínima de 15€
Águia-calçada (Aquila pennata); Águia-d'asa-redonda (Buteo buteo); Coruja-das-torres (Tyto alba); Milhafre-preto (Milvus migrans); Mocho-d'orelhas (Otus scops); Peneireiro-vulgar (Falco tinnunculus); Tartaranhão-ruivo-dos-pauis (Circus aeruginosus).

b) Com uma contribuição mínima de 25€
Britango (Neophron percnopterus); Bufo-real (Bubo bubo); Águia-cobreira (Circaetus gallicus).

Em alternativa ao apadrinhamento de um animal selvagem em recuperação, poderá também optar por apadrinhar uma caixa-ninho!

No âmbito do Projecto BARN do CERVAS foram já colocadas algumas caixas-ninho de mocho-d’orelhas (Otus scops), mocho-galego (Athene noctua) ou coruja-das-torres (Tyto alba), as quais poderá também apadrinhar. A colocação de caixas-ninho para as aves de rapina nocturnas irá potenciar a reprodução e fixação destas espécies, uma vez que estas não constroem ninhos, mas sim ocupam cavidades de árvores e de construções humanas (torres de igrejas, celeiros, casas abandonadas, etc.), que são cada vez mais raros devido à pressão humana.

Ao ser padrinho/madrinha de uma caixa-ninho estará a apoiar não só a conservação destas espécies como todo o processo de acompanhamento e manutenção das caixas já colocadas e ainda a construção e colocação de novas caixas-ninho. Poderá apadrinhar caixas-ninho de mocho-d’orelhas, mocho-galego ou coruja-das-torres, sendo que para além de um certificado, receberá informações sobre a caixa-ninho (ocupação, postura, nascimento das crias, etc), fotos da caixa, do local envolvente e, se possível, dos indivíduos que estão a ocupar. O apadrinhamento de uma caixa-ninho (independentemente da espécie) tem um custo de 20€.

Nota: os valores indicados referem-se a apadrinhamento individual/particular. Caso pretenda ceder apoios através de uma instituição / empresa, os valores mínimos serão de 250€ para qualquer espécie indicada anteriormente (podendo ser deduzidos no IRS ao abrigo da lei do mecenato ambiental).

Para descarregar a ficha de apadrinhamento clique aqui.


Consulte aqui o relatório de actividades do CERVAS no ano 2009.


Conheça os outros projectos da ALDEIA!


Contactos CERVAS
E-mail:cervas-pnse@gmail.com
Tel: 962714492 (CERVAS)

Modos de pagamento:
- CHEQUE: Em nome de Associação ALDEIA enviado juntamente com a ficha de inscrição para: CERVAS – Centro de Ecologia, Recuperação e Vigilância de Animais Selvagens Apartado 126 6290-909 Gouveia

- TRANSFERÊNCIA*: NIB: 003503540003190733089 (Caixa Geral de Depósitos de Gouveia)

* Enviar comprovativo de transferência por correio para a morada acima indicada ou por correio electrónico para cervas.pnse@gmail.com

1 comentário:

Joel de Sousa Carvalho disse...

Olá a todos os que vão ler este comentário neste blogue ou noutro muito bom como este. Pois é, estou encantado com todos estes posts bem feitos, quase que desenhados. Pois, eu gostava de fazer igual, mas não consigo. O meu dilema agora é cozinhar… A vida é dura e obrigou-me a morar sozinho, e a cozinha não é de todo o meu local favorito. Mas estou a tentar conhecê-la, mas as aventuras têm sido imensas. Fiz um blog humilde para colocá-las em forma de crónica pouco extensas. Gostava muito que todos vocês o visitassem e se possível o seguissem. É que tentar cozinhar e depois não ser ajudado, é algo muita mau.
Cumprimentos a todos!

http://tenhosalfaltamecolher.blogspot.com/