Apoie o trabalho do CERVAS! Faça um donativo para o NIB: 003503540003190733089 (Caixa Geral de Depósitos de Gouveia), ou apadrinhe um animal em recuperação.

segunda-feira, 7 de março de 2016

Campanha de apadrinhamentos: Dia do Pai!


Porque a intenção conta e a acção importa! Oferece o apadrinhamento de um animal selvagem em recuperação no CERVAS ao melhor pai do mundo e colabora na recuperação de animais selvagens!

O padrinho de um animal em recuperação no CERVAS receberá um certificado de apadrinhamento, (especial Dia do Pai), um postal alusivo ao dia e uma fotografia do animal apadrinhado, bem como um boletim informativo a respeito da espécie. O padrinho poderá solicitar dados e fotos do animal sempre que desejar, acompanhando desta forma o processo de recuperação do animal apadrinhado.
Fica ainda a possibilidade, (se for possível no final do processo de recuperação), de toda a família participar na devolução à natureza do animal apadrinhado!
A visita ao CERVAS para toda a família também será possível quando solicitada atempadamente e adequadamente combinada com os respectivos técnicos e colaboradores do CERVAS.
O contacto do padrinho será inserido na lista de divulgação do CERVAS para que possa obter informações sobre as próximas actividades em que poderá participar, tornando-se, desta forma, um membro activo na dinamização da recuperação de animais selvagens em Portugal.

Neste momento, os animais selvagens em recuperação no CERVAS, que podem ser apadrinhados, são os seguintes:

Com uma contribuição mínima de 15€ cada:

Águia-de-asa-redonda (Buteo buteo)
Peneireiro-vulgar (Falco tinnunculus)
Milhafre-preto (Milvus migrans)
Tartaranhão-ruivo-dos-pauis (Circus aeruginosus)
Águia-calçada (Aquila pennata)
Mocho-de-orelhas (Otus scops)
Mocho-galego (Athene noctua)
Coruja-das-torres (Tyto alba)
Coruja-do-mato (Strix aluco)
Gralha-preta (Corvus corone)
Melro (Turdus merula)
Pintassilgo (Carduelis carduelis)

Com uma contribuição mínima de 25€ cada:

Águia-cobreira (Circaetus gallicus)
Milhafre-real (Milvus milvus)


Nota: os valores indicados referem-se a apadrinhamento individual/particular. Caso pretenda ceder apoios através de uma instituição / empresa, os valores mínimos serão de 250€ para qualquer espécie indicada anteriormente (podendo ser deduzidos no IRS ao abrigo da lei do mecenato ambiental).

Modos de pagamento:

- CHEQUE: Em nome de Associação ALDEIA enviado juntamente com a ficha de apadrinhamento para:

ALDEIA/CERVAS. Apartado 126. 6290-909 Gouveia

- TRANSFERÊNCIA*:

IBAN:  PT 50003503540003190733089 CGDIPTPL (Caixa Geral de Depósitos de Gouveia)
*Enviar comprovativo de transferência por correio para a morada acima indicada ou por correio electrónico para cervas.pnse@gmail.com

Para qualquer informação adicional contactar:
CERVAS: 919457984/918240290 ou cervas.pnse@gmail.com

Sem comentários: